Cuidados

Acupuntura veterinária: saiba mais sobre esse tipo de tratamento

Quem tem um pet sabe que a saúde dele deve vir sempre em primeiro lugar. Não poupamos esforços para vê-lo em uma vibe feliz — e investimos em remédios e cirurgias, na esperança de que ele fique saudável e seja a nossa companhia por muito tempo. Mas esses tratamentos tradicionais também podem causar alguns efeitos colaterais nos nossos melhores amigos.

Pensando nisso, vamos falar sobre a acupuntura veterinária: uma técnica chinesa com mais de 5 mil anos de história, que é um método excelente para aumentar a qualidade de vida dos parceiros de quatro patas. E o melhor: sem contraindicação.

Ficou curioso? Então, continue a leitura para entender como a acupuntura veterinária funciona!

O que é a acupuntura veterinária?

Nessa técnica, a pele é perfurada com agulhas bem finas de aço inoxidável, em locais próprios. Além disso, a acupuntura também trabalha com laser, ultrassom, banhos de luz, estimulação por massagens e exercícios. O principal objetivo, aqui, é o equilíbrio da energia corporal. Mas o que isso quer dizer?

Existem canais no corpo que são chamados de meridianos. Toda a energia vital circula por eles. Os tecidos e órgãos se ligam à pele por esses meridianos. Quando existe algum bloqueio nesses locais, o corpo pode apresentar problemas.

A aplicação de agulhas nesses pontos faz com que o organismo reaja. Dessa maneira, a energia se equilibra, os músculos relaxam e os órgãos funcionam melhor. Legal, não é mesmo?

No ano de 1995, a acupuntura veterinária foi reconhecida como uma especialidade pelo Conselho Federal de Medicina Veterinária (CFMV). Desde então, vários profissionais se capacitam oficialmente nesse ramo e, inclusive, existe uma associação própria para essa área.

Para que serve a acupuntura em animais?

Veja agora algumas doenças que podem ser tratadas com essa técnica:

  • epilepsia;
  • paralisia;
  • artrite;
  • displasia;
  • hérnia de disco;
  • diabetes;
  • hipotireoidismo;
  • hipertireoidismo;
  • hipertensão;
  • obesidade;
  • incontinência urinária;
  • cálculo renal;
  • alergia;
  • ansiedade;
  • câncer;
  • reabilitações pós-cirúrgicas e em geral;
  • problemas de visão;
  • viroses;
  • doenças cardíacas;
  • doenças de pele;
  • doenças respiratórias;
  • doenças do intestino;
  • doenças neurológicas;
  • doenças autoimunes;
  • doenças reprodutivas.

É impressionante ver o que a acupuntura pode tratar! Mas isso não significa que o seu pet só pode fazer o tratamento se estiver doente. Essa técnica também é mega eficaz na prevenção desses mesmos problemas de saúde, além de apresentar inúmeras vantagens para o seu companheiro peludo, como veremos a seguir.

Quais são os seus benefícios?

A acupuntura veterinária não tem contraindicação, não causa dores e nem efeitos colaterais. Essa técnica pode ser realizada em cães e gatos de qualquer idade, sexo e porte. Bom demais, né? As principais vantagens são:

  • aumento da qualidade de vida e do bem-estar;
  • redução do estresse;
  • aumento da imunidade;
  • equilíbrio do sistema hormonal;
  • melhoria da circulação sanguínea;
  • alívio de dores crônicas;
  • redução da ansiedade e da hiperatividade;
  • recuperação após cirurgias;
  • rapidez na cicatrização de feridas;
  • aumento da expectativa de vida;
  • redução da inflamação e da retenção de líquidos.

Como o meu pet pode fazer esse tratamento?

O procedimento é semanal e pode se estender pelo tempo que for preciso, conforme a necessidade de cada pet. Geralmente, a acupuntura é associada a outro tratamento médico, como a homeopatia.

Vale a pena lembrar que os efeitos dessa técnica não são tão rápidos quanto os de um remédio que compramos com receita. Eles são percebidos com o passar das sessões, mas são extremamente eficazes em longo prazo.

A aplicação das agulhas é indolor, mas pode causar um pouco de estranhamento, especialmente nas primeiras sessões. Então, o seu amigo peludo deve estar à vontade para realizar esse procedimento. Acompanhe a reação dele de perto na fase inicial do tratamento.

Por fim, a nossa principal dica é: procure um médico veterinário de confiança antes de iniciar as sessões de acupuntura. Com bastante amor, carinho e atenção, o seu companheiro de quatro patas estará pronto para muitas aventuras ao seu lado.

Você gostou de saber mais sobre a acupuntura veterinária? Então, o que acha de compartilhar este post nas suas redes sociais agora mesmo? Assim, outras pessoas vão descobrir essa técnica tão incrível!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *