Cuidados

Como eliminar pulgas e carrapatos do seu cão?

eliminar pulgas do cachorro

O “coça-coça” mostra que o seu melhor amigo pode estar recebendo algumas visitas indesejadas. Estamos falando das pulgas e dos carrapatos, aqueles pequenos parasitas que se alojam no corpo e que podem causar doenças sérias para o seu parceiro.

Os cachorros podem pegá-los de diversas maneiras, especialmente quando entram em contato com outros animais ou passeiam em ambientes diferentes. Mas como livrar o seu pet desse tipo de problema e deixá-lo felizão da vida, pronto para novas aventuras?

Neste post, vamos dar dicas sobre como eliminar pulgas e carrapatos do seu companheiro de todas as horas. Bora lá?

Doenças trazidas por pulgas e carrapatos

Antes de mais nada, saiba que as pulgas e os carrapatos não estão para brincadeira, pois conseguem sobreviver fora do seu hospedeiro e se reproduzem com muita facilidade. De bobos, eles não têm nada. Afinal, costumam se esconder pela casa e, especialmente no verão, atingem a fase da adulta rapidamente.

As pulgas são pequenas, enquanto os carrapatos são um pouco maiores, mais fáceis de serem vistos. Eles costumam atacar principalmente as costas, as orelhas, a cauda e a barriga do seu pet.

Veja algumas doenças que esses parasitas podem trazer para você e o seu amigo:

  • vermes intestinais: ao comer uma pulga infectada com Dipylidium caninum, o cão pode dar início a uma verminose em sua barriga, o que causará dores e anemia;
  • dermatite alérgica: o seu parceiro pode apresentar inflamações incômodas na pele;
  • arranhadura do gato: causada por uma bactéria (Bartonella), essa doença afeta o ser humano e pode causar febre alta e muita fraqueza. É transmitida pela picada da pulga;
  • doença do carrapato: causada pelas bactérias Erlichia e Babesia, ataca a circulação sanguínea. O cachorro apresenta perda de peso, anemia e apatia.

Como combater as pulgas e os carrapatos

Para manter o seu companheiro longe dessas encrencas, é necessário acompanhar mensalmente se ele está recebendo esses visitantes malvados. Você pode adotar alguns cuidados essenciais. Confira!

Higienização

Deixe o seu amigão limpo, dando aquele banho caprichado uma vez por semana ou a cada 15 dias. Nesse momento, você pode usar xampus e sabonetes antipulgas, que têm um forte efeito imediato.

Cuide também da limpeza da casa. Como eles costumam se alojar e esconder em cantos de móveis e locais escuros, tenha bastante atenção a esses lugares. Troque roupas de cama, tapetes e cortinas regularmente. Mantenha a roupa do seu pet sempre bem lavada.

Passe o aspirador de pó, para eliminar os ovos de pulgas e carrapatos. Você também deve dedetizar sua casa em casos de infestações. Um dica quanto a isso é que as pupas, que são os ovos das pulgas, podem durar meses para eclodirem, e nesse caso, faça reaplicação da dedetização após 2 meses como forma de garantia. Você pode comprar um produto próprio para isso ou chamar uma empresa especializada para fazer o serviço. Atenção: deixe o pet bem longe nessa hora, OK?

Uso de remédios

Existem alguns produtos que combatem o problema. São eles:

  • pipetas e spray: têm a duração de um mês e são aplicados sobre a pele. Lembre-se de proteger o focinho e os olhos do seu amigo durante a aplicação;
  • coleiras: duram por alguns meses. A substância se espalha no corpo do canino por meio da oleosidade da pele. O seu uso não necessariamente atrapalha o de outras coleiras;
  • comprimidos: duram de 4 a 12 semanas. Como o medicamento atua no sangue, eles matam o parasita no momento em que ele picar.

Esses itens podem ser combinados entre si. Outra dica é que você procure medicamentos de ação dupla, que acabem tanto com as pulgas quanto com os carrapatos.

Remoção

Retire pulgas e carrapatos com uma luva e pinça. Puxe-os pela cabeça, para que não fique presa no corpo do seu companheiro. Jogue-os em álcool absoluto. Eles são eliminados imediatamente, sem perigo de reinfestação.

Consulta ao veterinário

Leve o seu cão ao veterinário para saber a melhor dosagem dos produtos que combatem esse problema. Faça exames de sangue frequentes e veja se ele não foi afetado por alguma das doenças que citamos.

Manter o seu parceiro longe desses parasitas vai deixá-lo em uma vibe mais feliz e saudável. Você gostou de saber como eliminar pulgas e carrapatos do seu melhor amigo? Não deixe de nos seguir nas redes sociais para ficar por dentro das melhores novidades do mundo pet. Estamos no Facebook, no Instagram e no YouTube!

 

4 comentários em “Como eliminar pulgas e carrapatos do seu cão?

  1. Flavi disse:

    Nossa, é fundamental esse cuidado com os nossos filhotes. Eu fiz muita pesquisa e consultei a Vet do Puppy, para fazer a melhor combinação para proteção dele. Inclusive, além de pulgas e carrapatos, no Condomínio onde moramos, tem muito mosquito, então essa também acabou sendo uma grave preocupação. Como tenho observado que Puppy não tem nem pulgas e nem carrapatos, prolonguei o tempo do uso da pipeta, mas mantive o uso da coleira integralmente. Tudo depois de falar com a Vet dele. Existem ótimas opções no mercado, inclusive linhas naturais. Excelente matéria. Muita atenção com as reações alérgicas também, ao uso desses produtos.

  2. Carol disse:

    Boss tem alergia a picada de pulga, então precisamos ter cuidado em dobro.

  3. Vangela Silva Queiroz disse:

    Por incrível que pareça minha dog nunca pegou pulga na vida, mais já ganhou um carrapato como visita (risos). Levei no veterinário, ele passou remédio pra ela e tbm pra desinfetar a casa, no final deu tudo certo.

  4. Amanda disse:

    Ótimas dicas!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *