Cuidados

Gato de coleira: será que eles realmente precisam do acessório?

gato de coleira

As coleiras são artigos comuns para os caninos. Além de ajudarem na identificação, são indispensáveis para garantir a segurança do pet. E gato de coleira, você já viu? Será que faz sentido usar esse artigo nos felinos?

Muita gente não sabe, mas os gatos também podem ser levados para passeios fora de casa, desde que treinados para isso. Além do mais, não é incomum que eles deem umas escapadinhas, não é mesmo? Portanto, a identificação por meio de uma coleira é fundamental para a segurança do seu pequeno.

No post de hoje, você vai entender os benefícios do uso da coleira nos gatos, como acostumá-los a usar tal produto e, ainda, como escolher a coleira ideal. Siga conosco e tire suas dúvidas!

Por que apostar em coleiras para gatos

Ajuda na identificação

Já pensou se, em uma dessas escapadinhas noturnas (é sempre bom lembrar que elas devem ser evitadas ao máximo, pois há o risco do animal se envolver em brigas e contrair doenças ), seu bichano não voltar para casa?

O desespero é tremendo. Entretanto, se ele estiver identificado com uma coleira com informações e detalhes sobre sua família tutora, vai ser bem mais fácil encontrá-lo novamente. Por isso, não se esqueça de colocar na coleira uma tag de identificação!

Facilita os passeios

Pequenos passeios podem ser ótimos para a saúde, a qualidade de vida e o bem-estar do seu animal. Mas, para isso, é melhor que ele esteja com uma coleira, a fim de melhorar o controle do tutor sobre o felino e garantir a sua segurança.

Melhora a segurança

Entre os diversos modelos de coleira encontrados, temos os que contam com um guizo na parte frontal. Esse elemento ajuda o tutor a encontrar mais facilmente seu pet, além de evitar ataques surpresa – seja nos moradores da casa, nos visitantes ou em outros animais de jardim, como os pássaros.

Contudo, é preciso avaliar se o animal não vai ficar incomodado com o barulho constante do sininho. Afinal, a audição dos felinos é bastante sensível.

Se o seu bichano costuma dar passeios noturnos, uma coleira com elementos reflexivos também pode ser uma boa opção. Ela faz com que o animal seja visto a longas distâncias, evitando, assim, o risco de atropelamento. Existem, ainda, modelos que se abrem caso o gatinho force para se soltar. Isso evita que ele fique preso ou sufoque com o acessório, caso fique preso em algum lugar como grades ou galhos de árvore por exemplo.

Como acostumar o gato à coleira

Para que o passeio seja proveitoso, é preciso acostumar o gato ao acessório. Aqui vão algumas dicas:

  • introduza o uso da coleira em casa para que o bichano perca a sensação de estranheza;
  • repita o ritual de colocar a coleira em casa por vários dias seguidos antes de incluir a guia e levá-lo para passear;
  • se ainda assim o animal estiver desconfortável, não insista no passeio. Isso pode traumatizá-lo.

Como escolher o acessório certo

A coleira para gatos ideal é aquela que o deixa confortável e que oferece proteção e identificação ao bichano. Nesse caso, vale estar atento aos tipos de coleira existentes. Para passear, o melhor tipo é a peitoral, pois além de dar segurança ao gato, permite muito mais controle no caso de um momento de estresse do animal.

Jamais coloque em seu felino uma coleira para cachorros. Além disso, observe atentamente o tamanho do acessório: filhotes crescem muito rápido e o artigo não pode apertar o animal em nenhuma hipótese.

Tire as medidas do seu pet para acertar no tamanho escolhido. A coleira deve estar justa o suficiente para evitar que o gato escape, mas deve haver pelo menos dois dedos de folga entre ela e o corpo do bichinho, de maneira a não machucá-lo. No caso de filhotes, verifique regularmente se o crescimento do animal pede ajustes na coleira.

Viu só? Faz todo o sentido ter um gato de coleira, desde que a saúde e o bem-estar do animal sejam preservados. Escolha o melhor acessório e ajude seu bichano a se acostumar a ele. No final do processo, seu amigo vai estar mais protegido. E você vai ficar mais tranquilo!

Gostou das nossas dicas? Então compartilhe este post nas suas redes sociais!

banner post blog

Posts Relacionados